The God of Highschool – PRIMEIRAS IMPRESSÕES e EP 1, EP 2, EP 3

The God of Highschool é um manhwa/webtoon que conta a história de Jin Mo-ri e sua motivação baseada em “faça o que quiser” passada por seu avô. Em Seul capital da Coréia do Sul acontece o torneio conhecido como God of Highschool que é um torneio de artes marciais mista não impedindo inclusive o uso de armas, e o vencedor poderá realizar o desejo que quiser.

Essa deve ser a minha primeira experiência com um anime coreano, já que o título que conta com selo “original Crunchyroll” carrega o enredo do manhwa de mesmo nome e traz uma animação que a principio me tirou inúmeras gargalhadas pelo jeito desastrado que Jin Mo-ri leva sua vida, em especifico o dia de sua estréia no GoH.

O dia de estréia no GoH – Nesse dia acho que o Jin quebrou seu relógio despertador tendo um pesadelo, daí saiu a mil de bicicletinha e quase matou a vózinha no caminho, arrebentou um guardrail e saiu em disparada na avenida. Ele viu um motoqueiro roubando uma bolsa com dinheiro de uma vózinha, ele Jin na sua mente imaginou que aquele dinheirinho poderia ser para pagar algum tratamento ou remédio da vózinha, rolou uma dramaturgia global na mente dele e quando volta a si ta chorando inconformado e decide ir pegar a bolsa de volta.

Só esse dia de estréia do GoH por essa pequena jornada já tinha me ganhado, mas ainda vemos Mira tentando encontrar o palco principal que rende um encontro no minimo inusitado quando ela é atropelada por Jin e sua incessante busca, enquanto o terceiro dos protagonista Daewi via tudo rolar por uma live de um rapper boladão na mesma avenida. No fim da busca Mira tenta uma manobra perfeita contra o ladrão mas prega a fuça numa placa de indicação, Jin para a bicicleta enquanto Daewi maceta o ladrão com um baita soco.

Aqui eu já tava morrendo de rir, tossindo pedindo água pra me salvar das gargalhadas sem pausa. A cena é cômica e forma de animação com o enredo e a dublagem acompanhou isso tom a tom então foi o gatilho pra rir muito dessa primeira aventura de Jin. Após isso todos conseguem chegar ao palco do GoH e descobrem que a primeira luta é um battle royale e quem conseguir sobreviver continua pra fase do 1×1.

Dali em diante Jin, Mira e Daewi conseguem avançar sem problemas, conhecemos as motivações de cada um e enquanto um quer o dinheiro (sem revelar aos novos amigos porque) outro quer levantar o nome de seu dojo enquanto o Jin só quer fazer o que ele quiser como foi ensinado por seu avô.

No segundo dia o dia que começam os combates 1 contra 1 vemos mais de Go Gamdo que trata Jin como um mestre, nisso Mira e Daewi continuam avançando mas no combate entre Go e Manseok Gang testemunhamos além de uma animação de luta incrível uma crueldade que passa dos limites. No momento em que Manseok decide acabar com Go vemos uma mão arremessando o adversário de Gamdo para longe, era Jin indo salvar seu amigo da retaliação e nisso começa um combate em que Jin se mostra infinitamente superior a Manseok a ponto de ser parado apenas por Park Jin o organizador do torneio.

Park Jin e os organizadores decidem se juntar para regrar uma punição para o que Jin fez porque apesar dos pesares invadir uma luta é ir severamente contra as regras do God of Highshool. A punição se resume em Jin enfrentar um dos organizadores no palco principal e vencer para reaver sua participação no GoH, na saída do palco principal ele recebe uma cesta de frutas de Park Jin e oferece para Mira e Daewi que só questionam o porque ele fez aquilo no torneio e a resposta é um caloroso “Meu avô tinha um ditado – Faça o que você quiser”.

Aqui fica uma ponta solta até agora, eu ainda pensei “Pô Park Jin tu deu uma akuma no mi pro Jin!?” porque uma das frutas da cesta dada por Park fez Mo-ri passar mal e passar a noite desmaiado em seu quarto numa poça de sangue. No dia seguinte em cima do horário ele estava no ringue para enfrentar sua punição, mas alguém questiona Park que era muito cedo pra dar “aquilo” (alguma fruta da cesta) para ele e Park só diz que queria saber de fato se era ele quem estavam procurando já que ao ver o nome do avô e mestre de Mo-ri Park pareceu interessado no jovem.

A punição acaba com Jin vencendo, mas o organizador parece ter saído de controle e revelado algo um tanto bizarro no combate a aparição de um monstro a partir de um usuário de algo. Fiquei com gostinho de quero mais e feliz por ter decidido ver GoH que como já disse conta com uma animação excelente na parte cômica, mas as lutas possuem um tratamento todo especial e se tornam lindas de se ver.

God of Highschool entra pra nossa lista de mangá/anime que acabarão tendo posts frequentes sejam de resumo, teoria ou algo semelhante já que o título se tornou algo que necessita ser visto pra matar essa curiosidade que ando tendo com a obra. Abaixo vocês podem conferir alguns dos termos usados aqui e seus significados para que não fiquem perdidos caso conheçam uma coisa e não outra, nos vemos no próximo episódio de GoH.


manhwa ou webtoon: é como se chama o mangá coreano, mas ao contrário de seu irmão de mídia o manhwa se lê da forma ocidental por causa da forma escrita)

akuma no mi: o termo significa literalmente frutos do diabo e no universo do mangá/anime One Piece são responsáveis por dar poderes diversos a seus usuários e em contrapartida acabar com suas capacidades de nadar e tornando a água do mar seu principal ponto fraco.


Sinopse:

“God of High School” é um torneio de artes marciais de todos os estilos para estudantes do ensino médio de toda a Coréia. Jin Mo-Ri (personagem principal da série) é um dos estudantes participantes. Ele mora sozinho depois de se separar (ainda novo) de seu avô Taejin e está a caminho da fase preliminar da sua região quando acaba perseguindo um ladrão. No meio de sua busca, ele conhece Han Daewi e Yoo Mira, outros dois estudantes do ensino médio a caminho da participação da preliminar. A única coisa em jogo é o seu orgulho! A única coisa em que você pode confiar são seus punhos! Escolha qualquer desejo, e será concedido! Tal é o poder de Deus! Então que começe a batalha real com os competidores mais poderosos de todo o mundo …”

The God Of High School

Sobre João

Ainda ando por Lordran, mas vivo no universo 7 da vila de Konoha enquanto navego nos mares do novo mundo de um dojo qualquer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *