Dragon Ball Super #64 – Goku “Eu vou lutar como terráqueo”

Dragon Ball Super #64 trouxe a versão completa do Instinto Superior que só tinhamos visto no torneio do poder, a questão é que agora a terra está em risco e apenas ele pode fazer algo a respeito.

Após a morte do agente/Anjo Merus fica uma lição para Goku, lutar para proteger toda a galáxia assim como Jaco a seu modo tem feito mas parao Sayajin a coisa vai mais além já que ele viu em Merus alguém que de forma empátia conseguiu seu respeito e o ensinou muito em pouquissimo tempo. Além do mais Merus deixou o seu ultimo pedido a Goku assim como o  Android 16 deixou a Gohan na Saga Cell, “Cuide deste universo que eu tanto amei”.

Goku enfim alcança a forma suprema e é elogiado por Bills o que surpreende Whis e deixa Moro se questionando, quer Goku se tornar um Deus!? Mas a questão real é o que Moro quis dizer com “Eu sou o ser supremo desta galaxia!” teria ele conhecimento de vilões mais poderosos ou teria ele tentado tomar outras galaxias e foi exilado a ponto de ser pego pela patrulha galatica!? A questão é que o confronto final entre o terráqueo mais forte e o devorador de planetas entrou nos seus finalmentes.

“Daqui em diante eu vou lutar como um terráqueo” a ultima frase de Goku deixa Bills preocupado, mas referência interna da batalha de Goku e Freeza no entanto só vamos saber em Dragon Ball Super #65 o que essa frase significa no nível atual de Son Goku.

Leu o mangá #64!? Compartilhe conosco o que achou da primeira parte da batalha final de Gokue Moro.

Sobre João

João
Ainda ando por Lordran, mas vivo no universo 7 da vila de Konoha enquanto navego nos mares do novo mundo de um dojo qualquer.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *